Segunda etapa da temporada 2018, com campeões mundiais, ocorre no Rio de Janeiro

na Urca

25 de junho de 2018

Torneio ocorre com lindo visual do Pão de Açúcar

(Divulgação/CBV)

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 25.06.2018

Algumas das futuras estrelas do vôlei de praia brasileiro estarão em ação nesta semana, pela disputa da segunda etapa do Circuito Brasileiro de vôlei de praia Sub-21 2018. O torneio acontece de terça-feira (26.06) a quinta-feira (28.06), no Rio de Janeiro (RJ), com entrada franca no Centro de Capacitação Física do Exército, no bairro da Urca.

A disputa contará com nomes que já são realidade no voleibol brasileiro, como do campeão mundial Sub-19 e Sub-21, o paraibano Renato, e da campeã mundial Sub-19 e campeã Sul-Americana Victoria, do Mato Grosso do Sul. Assim como ocorre no Circuito Brasileiro Sub-19, o Sub-21 é um campeonato de seleções estaduais, com duplas da mesma federação. Cada estado indica suas delegações nos dois gêneros em busca do título.

A competição conta com 12 times em cada gênero, sendo oito pré-classificados pelo ranking, de acordo com o resultado da etapa anterior, e outras quatro duplas definidas pelo torneio classificatório, que ocorre na terça-feira. Nele, até 34 times lutam pelas últimas vagas em jogos eliminatórios diretos, formando assim a lista final de participantes.

Já estão garantidos no naipe masculino pelo ranking Jonas/Ícaro Passos (BA), Felipe/André Luis (DF), Matheus/Welington (MT), Rafael/Renato (PB), Patrick/Lipe (PR), Gabriel/Lippi (RJ), André Danilo/Matheus (SE) e Pedro/Gabriel (SP).

No naipe feminino, os times já classificados pelo ranking são Amanda/Talita (CE), Débora/Thamela (ES), Aninha/Victoria (MS), Ingridh/Amanda (PR), Gabriella/Carol Paiva (RJ), Milena/Thainara (RN), Cristiele/Luisa (SC) e Karol/Fran (SE).

Os times são divididos em quatro grupos com três, jogando no sistema “todos contra todos” dentro da chave. Todos avançam à segunda fase, mas os times que terminarem em primeiro no grupo vão direto às quartas de final, enquanto segundos e terceiros disputam a repescagem. A partir desta fase ocorrem semifinais e disputas de medalha.

A temporada é formada por quatro etapas. Na primeira, em João Pessoa (PB), André Danilo e Matheus, representando Sergipe, e Aninha/Victoria, defendendo o estado do Mato Grosso do Sul, ficaram com o título. A terceira etapa ocorre de 14 a 16 de agosto, em Jaboatão dos Guararapes (PE), enquanto a última será disputada em Manaus (AM), de 5 a 7 de outubro.

Rio de Janeiro, no naipe masculino, e o Ceará, no naipe feminino, foram os campeões da temporada 2017. A competição revelou diversos atletas que foram campeões e posteriormente se tornariam olímpicos como Pedro Solberg (RJ), Bruno Schmidt (DF), Bárbara Seixas (RJ), Juliana (CE) e Maria Elisa (RJ).

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro