Rafael/Renato vai às quartas de final, e Vitoria/Victoria às oitavas na Tailândia

Mundial Sub-21

21 de junho de 2019

Renato (esq) celebra ponto com irmão Rafael durante duelo das oitavas de final

(Divulgação/FIVB)

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 21.06.2019 

O Brasil avançou às quartas de final, com o naipe masculino, e às oitavas de final, no feminino, do Campeonato Mundial Sub-21 de vôlei de praia nesta sexta-feira (21.06), em Udonthani (Tailândia). Rafael/Renato (PB) chegou ao quarto triunfo seguido no torneio e agora terá pela frente dupla russa, enquanto Vitoria/Victoria, que soma três triunfos seguidos, irá encarar dupla da Alemanha para seguir em busca de medalhas na competição. 

Tendo disputado uma rodada a menos, o naipe feminino contou na madrugada desta sexta-feira – manhã e tarde na Tailândia – com o final da fase de grupos e a repescagem. Mantendo os 100% de aproveitamento, Vitoria e Victoria superaram as polonesas Herrmann/Stadnik por 2 sets a 0 (21/14, 21/10), em 26 minutos, terminando em primeiro da chave B. Elas encaram nas oitavas de final as alemãs Ziemer/Schieder, à 00h (de Brasília) deste sábado (22.06). 

“As meninas estão jogando bem, tivemos três vitórias consistentes na fase de grupos, pegamos um ritmo muito bom de torneio. O saque e a virada de bola (ataque) do nosso time são bastante fortes, são duas meninas experientes. Apesar de não termos um bloqueio tão grande, nossa parte defensiva é muito boa, contando com a ajuda do saque. Assistimos o duelo da dupla alemã, analisamos alguns pontos e vamos estudar junto delas. Queremos seguir com esse mesmo ritmo e intensidade”, analisou o técnico das seleções de base femininas de vôlei de praia do Brasil, Marcelo Carvalhaes, o ‘Big’. 

No naipe masculino, Rafael e Renato seguem sem perder nenhum set sequer. Nas oitavas de final, na madrugada desta sexta, alcançaram a quarta vitória por 2 sets a 0. Desta vez sobre os nicaraguenses Cascante/Lopez, com parciais de 21/12, 21/16, em 32 minutos de jogo.  

A dupla comandada pelo técnico Robson Xavier encara nas quartas de final os russos Shekunov/Veretiuk, que os brasileiros já superaram neste mundial, na primeira partida da fase de grupos. O duelo ocorre à 1h (de Brasília) deste sábado (22.06). 

Ainda nesta madrugada, Thamela e Ingridh se despediram da competição na fase de grupos. Elas foram superadas pelas alemãs Muller e Schulz por 2 sets a 1 (16/21, 21/18, 15/10), em 44 minutos, e não conseguiram avançaram para a fase de ‘mata-mata’. 

Na fase de grupos, os times jogam entre si, com os primeiros de cada chave indo direto às oitavas de final, enquanto segundos e terceiros colocados disputam uma rodada eliminatória anterior, da repescagem. A competição segue em formato eliminatório com quartas de final, semifinais e disputas de bronze e ouro.

Na última edição do torneio, em 2017, o Brasil foi campeão nos dois naipes, com Adrielson/Renato (PR/PB) e Duda/Ana Patrícia (SE/MG). O Brasil é o país com mais conquistas, tendo vencido 14 títulos, sendo seis no masculino e oito no feminino, e também o único país que conseguiu um bicampeonato nos dois naipes.

VEJA O SITE OFICIAL DA COMPETIÇÃO MUNDIAL SUB-21
http://u21.2019.beachvolleyball.fivb.com

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro