Qualificatório define últimas vagas para duplas em Brasília (DF)

segunda etapa

11 de outubro de 2016

No Rio de Janeiro (RJ) – 11.10.2016

O primeiro dia de competições da etapa de Brasília (DF) do Circuito Banco do Brasil Nacional definiu os últimos classificados ao torneio, nesta terça-feira (11.10), no Parque da Cidade. Quatro times em cada naipe conseguiram a vaga após 41 partidas realizadas com entrada franca à torcida. Os jogos seguem nesta quarta-feira (12.10), com a fase de grupos.

Foram realizados 28 jogos no qualificatório do naipe masculino, com 32 times inscritos. Cada dupla classificada venceu três partidas eliminatórias no dia. Avançaram à fase de grupos Indio/Raul (ES/SE), Marcus/Jeremy (RJ), Jonas Paixão/Matheus Maia (RJ) e Richards/Ralph Cabral (MG/RJ). Eles se juntam aos oito times classificados pelo ranking de entradas.

No naipe feminino foram realizados 13 jogos, com 17 duplas lutando por quatro vagas. Cada dupla classificada venceu duas partidas eliminatórias. Aline/Solange (BA/DF), Verena/Hegê (CE), Alba/Rosimeire Lima (BA/AL) e Haissa/Roberta Glatt (MS/RJ) avançaram à fase de grupos.

O Circuito Banco do Brasil Nacional é composto por 12 duplas em cada naipe. As seis melhores do ranking – que não conseguiram vaga entre as 16 melhores do Open – e dois times convidados (wild card) entram direto na fase de grupos. O qualificatório define as últimas quatro vagas no torneio.

O Circuito BB Nacional passará por nove cidades até 2017. As cinco etapas realizadas até o final deste ano já estão definidas e acontecem em Campo Grande (MS), Brasília (DF), Uberlândia (MG), Maringá (PR) e São José (SC).

As equipes serão divididas em três grupos com quatro times e jogam dentro da chave, com os oito melhores (primeiro e segundos, além de dois terceiros colocados) avançando às quartas de final, tudo isso na quarta-feira (12.10). Na quinta-feira (13.10) são disputadas as partidas das semifinais, disputas de bronze e finais dos dois naipes.

Apesar de não garantir classificação direta ao Circuito Brasileiro Open, as duplas campeãs de uma etapa do Nacional fazem mais pontos (260) do que o quinto colocado de uma etapa Open (240). Com isso, a tendência é que ao longo do ano ocorram diversas trocas de posições entre duplas de ambos os circuitos, aumentando a importância das duas competições.

VEJA OS RESULTADOS DO MASCULINO
http://www.aplicativoscbv.com.br/circuitobb/tabnacional/tabela2R.asp?site=16&sexo=m

VEJA OS RESULTADOS DO FEMININO
http://www.aplicativoscbv.com.br/circuitobb/tabnacional/tabela2R.asp?site=16&sexo=F

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro