Pedro Solberg e Bruno Schmidt avançam às oitavas de final em Ostrava

quatro classificados

22 de junho de 2018

Bruno Schmidt ataca contra bloqueio de canadense

(Divulgação/FIVB)

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 22.06.2018

O Brasil terá duas duplas em cada gênero nas oitavas de final da etapa quatro estrelas de Ostrava, na República Tcheca. Pedro Solberg e Bruno Schmidt (RJ/DF) conseguiram a vaga nesta sexta-feira (22.06) com duas vitórias. Evandro/Vitor (RJ/PB), Ágatha/Duda (PR/SE) e Carol Solberg/Maria Elisa (RJ) já estavam garantidas e nem entraram em quadra.

Evandro e Vitor Felipe encaram nas oitavas de final os holandeses Bouter e Varenhorst neste sábado (23.06), às 9h20 (de Brasília). Será o primeiro confronto entre os dois times. No feminino, Ágatha/Duda encara as norte-americanas Stockman e Larsen às 6h30 (de Brasília). Os times se enfrentaram duas vezes anteriormente, com uma vitória de cada.

Também pelas oitavas, Carol Solberg e Maria Elisa enfrentam as espanholas Liliana Fernandez e Elsa Baquerizo às 4h. As quartas de final também ocorrem no sábado, enquanto semifinais e disputas de bronze e ouro ficam reservadas para o domingo (24.06).

Pedro Solberg e Bruno começaram vencendo os chilenos Marco e Esteban Grimalt por 2 sets a 1 (21/19, 20/22, 15/7), em 53 minutos, avançando em terceiro na chave G. Na repescagem, triunfo por 2 sets a 1 sobre os canadenses Pedlow e Schachter, com parciais de 21/13, 14/21 e 15/9, em 46 minutos. Eles encaram nas oitavas de final os poloneses Losiak e Kantor às 10h10.

Alison e André Stein (ES) e Thiago/George (SC/PB) acabaram superados na repescagem, ficando na 17ª posição. Alison e André foram derrotados pelos holandeses Brouwer e Meeuwsenor, campeões mundiais de 2013, por 2 sets a 0 (27/25, 21/19), em 40 minutos. Já Thiago e George caíram para os letões Plavins e Tocs por 2 a 0 (21/16, 21/12), em 31 minutos.

Torneio Feminino
Três duplas brasileiras entraram em quadra nesta sexta-feira pelo torneio feminino, mas nenhuma avançou às oitavas de final. Tainá e Victoria (SE/MS) acabaram superadas no grupo D pelas chinesas Fan Wang e Xinyi Xia por 2 sets a 1 (21/14, 12/21 e 17/15) em 44 minutos, caindo na fase de grupos. Mesma situação de Taiana/Carol Horta (CE), derrotadas pelas ucranianas Davidova e Shchypkova por 2 a 0 (21/15, 21/17), em 31 minutos, na chave H.

Já Josi e Lili (SC/ES) venceram a partida pelo grupo E contra as eslovacas Dubovcova/Strbova, por 2 sets a 1 (16/21, 23/21 e 15/9), em 46 minutos, avançando em terceiro lugar. Na repescagem, porem, foram derrotadas pelas holandesas Keizer/Meppelink por 2 sets a 0 (21/17, 21/16), em 33 minutos de duração, ficando em 17º.

Ágatha/Duda (PR/SE) e Carol Solberg/Maria Elisa (RJ), que venceram os dois jogos na chave na ultima quinta e foram direto às oitavas de final, folgaram nesta sexta-feira. Elas conheceram suas adversárias, que saíram das partidas da repescagem.

Outras etapas
No torneio de duas estrelas em Singapura, Márcio Gaudiê e Arthur Lanci (RJ/PR) superaram na estreia do grupo E os chineses Likejiang Ha e Jiaxin Wu por 2 sets a 0 (21/19, 21/17), em 39 minutos. Eles voltam à quadra na noite desta sexta-feira, às 23h40 (de Brasília), manhã no país asiático, contra os suecos Appelgren e Boman, valendo a liderança da chave.

Oscar e Luciano também conseguiram bons resultados na etapa uma estrela de Manavgat, na Turquia. Eles superaram nesta sexta-feira os suíços Metral e Hagenbuch por 2 sets a 1 (19/21, 21/16, 13/15), em 48 minutos. A vitória deu a liderança do grupo C e vaga às quartas de final, onde superaram Burlacu e MacNeil, do Canadá, por 2 sets a 0 (21/14, 22/20). O adversário das semifinais será os holandeses van der Ham e Sven Vismans, em horário ainda indefinido.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro