Campeões olímpicos, novidades e público nas arquibancadas: vai começar a maior competição de vôlei do Brasil

22 DE OUTUBRO

Campeões olímpicos, novidades e público nas arquibancadas: vai começar a maior competição de vôlei do Brasil
O oposto Wallace está de volta à Superliga nesta temporada (Créditos: Agência i7/Sada Cruzeiro)


Chegou a hora. Maior competição de vôlei do Brasil, a Superliga está de volta. No total, serão mais de 300 jogos nos próximos meses e uma novidade fora da quadra: perfis próprios no Instagram (@superliga_masculina e @superliga_feminina), com informações, resultados, memes, highlights e vídeos curtos. A disputa masculina começa neste sábado (23.10), com 12 times brigando pelo título, e a volta do público às arquibancadas – por enquanto restrita a 25% da capacidade dos ginásios. Todos dos jogos terão transmissão ao vivo, pelos canais SporTV ou pelo Canal Vôlei Brasil.

Em Contagem (MG), o Sada Cruzeiro (MG) enfrenta o Farma Conde/São José Vôlei (SP), às 19h, no ginásio do Riacho. O time estreia motivado pela conquista do Campeonato Mineiro e pela volta do campeão olímpico Wallace à Superliga, depois de um ano na Turquia. No comando da equipe, um nome bem conhecido do torcedor. O ex-jogador Filipe estreia como treinador justamente na equipe onde foi capitão por várias temporadas.

“As expectativas para essa Superliga são as melhores possíveis. Temos um time feito para brigar por títulos. Estamos treinando muito com o Filipe como técnico. Ele está se saindo muito bem e sabe como tudo funciona dentro de quadra. Minha volta para o Sada Cruzeiro está sendo muito especial e espero conquistar a Superliga novamente”, disse Wallace.

Já o Farma Conde Vôlei/São José (SP) conta com o experiente levantador Marlon, além da força do oposto Renan Buiatti. 

“Fizemos um bom início de temporada no Campeonato Paulista e a equipe tem se mostrado muito ambiciosa, em busca de crescimento individual e coletivo. Nosso treinador, o Peu, tem contribuído muito para isso e queremos surpreender na competição. Estamos muito felizes de ter torcida novamente e queremos fazer uma Superliga especial”, afirmou Marlon.

Outros jogos

Mais dois confrontos acontecem neste sábado (23.10). A partida que abre a competição no masculino é Montes Claros América Vôlei (MG) x Brasília Vôlei (DF), às 17h, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG).  O Canal Vôlei Brasil transmite ao vivo. Já o Vôlei Renata (SP) joga com o Sesi-SP, às 21h30, no ginásio do Taquaral, em Campinas (SP), com transmissão ao vivo do SporTV 2.

No domingo (24.10) mais dois duelos. A Apan Eleva (SC) mede forças com o Azulim/Gabarito/Uberlândia (MG), às 18h, no ginásio Galegão, em Blumenau (SC), com transmissão do Canal Vôlei Brasil. Já o Funvic/Educacoin/Natal (RN) tem pela frente o Goiás Vôlei (GO), às 21h30, no Nélio Dias, em Natal (RN). O SporTV 2 transmite ao vivo.

Protocolo de Covid 19

Um acordo entre as equipes que disputam a Superliga masculina 2021/2022 permite que a competição comece com público na maioria das partidas. Para garantir a igualdade entre os times, a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) estabeleceu que a presença de torcedores só seria permitida com a liberação das autoridades de todas as cidades-sede. No momento, apenas Belo Horizonte, onde o Fiat/Gerdau/Minas disputa suas partidas, não autorizou a presença de público nos eventos esportivos. Porém, o clube mineiro informou oficialmente à CBV que concorda com a liberação de torcedores nos jogos das outras equipes, com a condição de que suas partidas, como mandante ou visitante, permaneçam com a arquibancada vazia enquanto a restrição em Belo Horizonte for válida. Todas as demais equipes concordaram com a proposta.

A quantidade de público nos jogos que não contarem com a participação do Fiat/Gerdau/Minas seguirá o menor percentual de liberação entre as cidades-sede – no momento, Montes Claros (MG), com autorização para ocupação de 25% da capacidade do ginásio. Todos os jogos da Superliga seguirão um rígido protocolo de segurança elaborado pela CBV. Para acesso aos ginásios, o torcedor deverá apresentar comprovação oficial de vacinação plena ou teste RT-PCR negativo realizado até 72 horas antes da partida/teste de antígeno negativo realizado até 24 horas antes da partida. Na entrada do ginásio haverá aferição de temperatura corporal e o uso de máscara será obrigatório durante todo o evento. Os clubes têm a responsabilidade e cumprir o protocolo de segurança e as exigências sanitárias de cada município.

SUPERLIGA 21/22

Primeira rodada do turno

23.10 (SÁBADO) – Montes Claros América Vôlei (MG) x Brasília Vôlei (DF), às 17h, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG) – Canal Vôlei Brasil

23.10 (SÁBADO) – Sada Cruzeiro (MG) x Farma Conde Vôlei/São José (SP), às 19h, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG) – SporTV 2

23.10 (SÁBADO) – Vôlei Renata (SP) x Sesi-SP, às 21h30, no ginásio do Taquaral, em Campinas (SP) – SporTV 2

24.10 (DOMINGO) – Apan Eleva (SC) x Azulim/Gabarito/Uberlândia (MG), às 18h, no Galegão, em Blumenau (SC) – Canal Vôlei Brasil

24.10 (DOMINGO) – Funvic/Educacoin/Natal (RN) x Goiás Vôlei (GO), às 21h30, no ginásio Nélio Dias, em Natal (RN) – SporTV 2

10.11 (QUARTA-FEIRA) – Vedacit Vôlei Guarulhos (SP) x Fiat/Gerdau/Minas (MG), às 20h, no Ginásio Arnaldo José Celeste, em Guarulhos (SP) – Canal Vôlei Brasil

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Aplicativo CBV.
Baixe agora!

Baixe agora o Aplicativo Vôlei Brasil, faça seu cadastro e receba todas as novidades das competições, alertas dos seus jogos favoritos, além de assistir a vídeos ao vivo.

Baixe na Apple Store Baixe na Google Play
Banco do Brasil

PATROCINADOR OFICIAL

Parceiros Oficiais