Ágatha e Duda são superadas na estreia no World Tour Finals

06 DE OUTUBRO

Ágatha e Duda são superadas na estreia no World Tour Finals
Ágatha e Duda estrearam no World Tour Finals (Créditos: Divulgação/FIVB)

 

Ágatha e Duda (PR/SE) foram superadas na estreia delas na edição 2021 do World Tour Finals, evento que reúne as melhores duplas da última temporada do Circuito Mundial de vôlei de praia, em Cagliari, na Itália. Líderes do ranking mundial, a parceria brasileira fez jogo muito disputado nesta quarta-feira (06.10), mas as atuais campeãs mundiais Sarah Pavan e Melissa Humana-Paredes, do Canadá, venceram por 21/18 e 22/20, pelo Grupo B.

As brasileiras voltam a jogar às 11h30 (horário de Brasília) desta quinta-feira (07.10), contra Anouk Vergé-Dépré e Joana Heidrich, da Suíça, medalhistas de bronze em Tóquio 2020. A partida terá transmissão do canal Beach Volleyball World, no YouTube.

Na sexta-feira (08.10), Ágatha e Duda disputam suas duas últimas partidas da fase de grupos. Elas enfrentam Sarah Sponcil e Kelly Claes, dos Estados Unidos, às 6h (de Brasília). Às 14h, as representantes do Brasil encaram as holandesas Sanne Keizer e Madelein Meppelink

As 10 duplas de cada gênero estão divididas em dois grupos com cinco times cada, que jogam entre si. O primeiro em cada grupo avança direto para as semifinais, enquanto aqueles que ficarem em segundo e terceiro jogam as quartas de final.

Na história do World Tour Finals o Brasil tem 12 medalhas. Na primeira edição, em 2015 em Fort Lauderdale (EUA), foram quatro medalhas ouro com Alison/Bruno Schmidt e Larissa/Talita, e o bronze de Pedro Solberg/Evandro e Ágatha/Bárbara Seixas. Toronto recebeu a competição em 2016 com ouro para Alison/Bruno Schmidt e prata para Pedro Solberg/Evandro. Em 2017 o evento aconteceu em Hamburgo (ALE) e Evandro/André ficou com a prata no masculino, mesmo resultado de Ágatha/Duda no feminino, que ainda teve o terceiro lugar de Larissa/Talita. A cidade alemã recebeu novamente o Finals em 2018 que contou com o título de Ágatha/Duda. A edição mais recente foi em 2019, em Roma (ITA), e o Brasil subiu ao pódio feminino com Ágatha/Duda em segundo e Ana Patrícia/Rebecca em terceiro.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Aplicativo CBV.
Baixe agora!

Baixe agora o Aplicativo Vôlei Brasil, faça seu cadastro e receba todas as novidades das competições, alertas dos seus jogos favoritos, além de assistir a vídeos ao vivo.

Baixe na Apple Store Baixe na Google Play
Banco do Brasil

PATROCINADOR OFICIAL

Parceiros Oficiais