Ana Patrícia e Rebecca avançam em terceiro no grupo D

30 DE JULHO

Ana Patrícia e Rebecca avançam em terceiro no grupo D
Rebecca e Ana Patrícia esperam sorteio de adversárias das oitavas de final (Créditos: Miriam Jaske/COB)

A primeira fase do vôlei de praia dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 para as duplas brasileiras foi concluída na noite desta sexta-feira (30.07). A última parceria verde e amarela a entrar em quadra foi Ana Patrícia e Rebecca (MG/CE) que acabou superada por Kelly Claes e Sarah Sponcil, dos Estados Unidos, por 2 sets a 1 (21/17, 19/21 e 11/15).

Na estreia olímpica Ana e Rebecca venceram Makhoka/Khadambi, do Quênia. E, na rodada seguinte, foram superadas por Graudina/Kravcenok, da Letônia. Mesmo com o revés desta sexta-feira, a dupla do Brasil ainda segue firma na disputa olímpica. Os resultados da fase de grupos deixaram as brasileiras como melhor terceiro lugar.

O confronto entre duplas do Brasil e dos Estados Unidos no vôlei de praia é sempre permeado de muita rivalidade. Ana Patrícia comentou sobre a expectativa antes do duelo contra as estadunidenses.

“A disputa entre Brasil e Estados Unidos é o maior clássico do vôlei de praia, é algo cultural. Já esperávamos um jogo duro, e elas vêm de uma boa sequência de torneio, com bons resultados. Outra característica marcante é que a Kelly Claes vira muita bola de segunda, então isso bagunça um pouco o sistema defensivo, mas não podemos justificar o resultado nisso. Tomamos algumas decisões erradas e precisamos melhorar já de olho na continuação do torneio”, disse Ana que complementou falando sobre o desempenho da dupla brasileira na partida

“Não faltou concentração, mas ela cai em algum estágio dentro do jogo. A gente estava bem, mas no segundo set tivemos uma sequência de erros que ficou difícil buscar a diferença no placar. O terceiro set a gente deixou escapar no começo, mas até conseguimos igualar as ações. Mas são coisas de jogo, não saiu uma virada de bola, erramos um ou outro saque, isso acontece. Mas tenho certeza de que vamos conseguir fazer os ajustes necessários”, completou Ana Patrícia.

Já Rebecca sabe que há bastante margem para evolução da equipe dentro do torneio olímpico. Para a atleta a cada jogo o time tem mostrado mais ritmo. Ela atribuiu o resultado negativo desta sexta-feira a algumas tomadas de decisão equivocadas.

“Estamos sentindo um pouco a diferença para outros torneios da nossa modalidade. Essa rotina da de jogar e descansar mais é bem diferente do que estamos acostumadas. Ainda não conseguimos colocar todo o nosso voleibol nos jogos. Mas eu enxergo evolução a cada rodada. Hoje o que pesaram foram algumas decisões erradas, a gente conseguiu defender, bloquear, não erramos tanto o passe. Tivemos condições de virar bolas, mas não fomos tão eficientes. Nosso intuito é melhorar”, contou Rebecca.

Com a classificação de Ana Patrícia e Rebecca como melhor terceiro lugar, o Brasil continua na busca por medalhas com as quatro duplas. Aliso/Álvaro Filho ficou com a primeira posição do grupo D, enquanto Evandro e Bruno Schmidt conquistaram a liderança no grupo E. Ágatha e Duda ficaram em segundo no grupo C feminino. 

TABELA - VÔLEI DE PRAIA

23.07 (SEXTA-FEIRA)

Alison/Álvaro Filho (ES/PB) 2 x 0 Azaad/Capogrosso (ARG) (21/16 e 21/17)

Ágatha/Duda (PR/SE) 2 x 0 Gallay/Pereyra (ARG) (21/19 e 21/11)

24.07 (SÁBADO)

Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) 2 x 1 Grimalt E./Grimalt M. (CHI) (21/15, 16/21 e 15/12)

25.07 (DOMINGO)

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) 2 x 0 Makokha/Khadambi (QUE) (21/15 e 21/09)

27.07 (TERÇA-FEIRA)

Alison/Álvaro Filho (ES/PB) 1 x 2 Lucena/Dalhausser (EUA) (22/24, 21/19 e 13/15)

Evandro/Bruno Schidt (RJ/DF) 2 x 0 Abicha/Elgraoui (MAR) (21/14 e 21/16)

Ágatha/Duda (PR/SE) 0 x 2 Wang/X. Y. Xia (CHN) (18/21 e 14/21)

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) 1 x 2 Graudina/Kravcenoka (LET) (15/21, 21/12 e 12/15)

29.07 (QUINTA-FEIRA)

Ágatha/Duda (PR/SE) 2 x 0 Bansley/Brandie (CAN) (21/18 e 21/18)

Alison/Álvaro Filho (ES/PB) 2 x 0 Brouwer/Meeuwsen (HOL) (21/14 e 24/22)

30.07 (SEXTA-FEIRA)

Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) 2 x 1 Bryl/Fjalek (POL) (21/19, 14/21 e 15/17)

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) 1 x 2 Claes/Sponcil (EUA) (21/17, 19/21 e 11/15)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Aplicativo CBV.
Baixe agora!

Baixe agora o Aplicativo Vôlei Brasil, faça seu cadastro e receba todas as novidades das competições, alertas dos seus jogos favoritos, além de assistir a vídeos ao vivo.

Baixe na Apple Store Baixe na Google Play
Banco do Brasil

PATROCINADOR OFICIAL

Parceiros Oficiais