ELEIÇÃO 2021 CBV CLIQUE AQUI E ACESSE OS DOCUMENTOS.

CBV e clubes se reúnem para reuniões virtuais de avaliação

15 DE JUNHO

CBV e clubes se reúnem para reuniões virtuais de avaliação
Reunião virtual aconteceu nesta segunda-feira na CBV (Créditos: Divulgação/CBV )

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) manteve o calendário habitual, porém, desta vez, as reuniões acontecem de forma virtual devido a pandemia da COVID-19. Com isso, 11 clubes participantes da Superliga Banco do Brasil feminina 19/20 e 11 da masculina se reuniram nesta segunda-feira (15.06) com a gestão da entidade para avaliação da temporada passada e já algumas primeiras diretrizes para a próxima. 
 
Na parte da manhã o encontro foi com os clubes do naipe feminino. Participaram Dentil/Praia Clube (MG), Sesc RJ, Itambé/Minas (MG), São Cristóvão Saúde Osasco Audax (SP), Sesi Bauru (SP), Curitiba Vôlei (PR), Flamengo (RJ), São Paulo/Barueri (SP), Fluminense (RJ), Pinheiros (SP) e o time que subiu da Superliga B, Brasília Vôlei (DF), além da Comissão de Atletas, representada pela ponteira Amanda Campos. Itajaí (SC) não teve representante. 
 
Já a tarde foi voltada para os clubes que contam com equipes na Superliga Banco do Brasil masculina. Estiveram representados EMS Taubaté Funvic (SP), Sada Cruzeiro (MG), Sesc (RJ), Sesi-SP, Vôlei Renata (SP), Fiat/Minas (MG), Apan Blumenau (SC), Vôlei UM Itapetininga (SP), Pacaembu/Ribeirão Preto (SP), e os dois times que se classificaram através da Superliga B,  Vedacit/Guarulhos (SP) e Uberlândia/Start Química/Gabarito (MG). A Comissão de Atletas contou com o presidente, o levantador Raphael Oliveira. A equipe do Denk Academy Maringá Vôlei não participou.
 
As federações mineira, paulista e paranaense também tiveram representantes nas duas reuniões virtuais. 
 
Liderada pelo superintendente da CBV, Renato D´Avila, a reunião foi considerada o saque inicial da nova temporada. 
 
“Claro que tudo neste momento está sendo adaptado para a ocasião, para esta pandemia que estamos atravessando e que precisa ser respeitada. Por isso, nosso primeiro encontro aconteceu virtualmente e já foi bastante proveitoso para saber um pouco mais sobre a realidade de cada clube. Pudemos apresentar nosso cronograma de atividades daqui para frente e esperamos que seja possível cumpri-lo até chegarmos ao início da Superliga Banco do Brasil 20/21. Além disso, recebemos propostas interessantes dos clubes que serão analisadas pela CBV”, disse D´Avila.
 
Um próximo compromisso firmado entre CBV e os clubes está marcado para o dia 23 deste mês, quando acontecerá o envio de carta convite para participação na temporada 2020/2021.
 
O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Aplicativo CBV.
Baixe agora!

Baixe agora o Aplicativo Vôlei Brasil, faça seu cadastro e receba todas as novidades das competições, alertas dos seus jogos favoritos, além de assistir a vídeos ao vivo.

Baixe na Apple Store Baixe na Google Play
Banco do Brasil

PATROCINADOR OFICIAL

Parceiros Oficiais