Medalhistas olímpicos elegem representantes para Assembleia Geral Eleitoral

Publicado em: 15/06/2020 18:22
?20200710052538
Medalhistas olímpicos escolheram seus representantes (Créditos: Divulgação)

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) promoveu, nesta segunda-feira (15.060, um pleito eletrônico para eleger os oito medalhistas olímpicos que irão compor a próxima Assembleia Geral Eleitoral, prevista para o primeiro quadrimestre de 2021. Com um total de 20 candidatos, a eleição teve grande adesão dos membros da comunidade do vôlei nacional, que se envolveu para votar em seus representantes. No vôlei de praia os eleitos foram Ricardo, Bárbara Seixas, Zé Marco e Mônica Rodrigues. Enquanto no vôlei de quadra os mais votados foram Maurício Lima, Rodrigão, Fabiana e Sheilla (ver contagem dos votos no quadro abaixo).

Os eleitos terão direito a voto na próxima eleição presidencial da CBV e representam os medalhistas olímpicos das duas modalidades: vôlei de quadra e vôlei de praia. Cada uma delas contará com quatro representantes, sendo dois homens e duas mulheres.

Para a votação, realizada entre 9h e 18h desta segunda-feira, tanto os candidatos como os eleitores se cadastraram em uma plataforma no site da CBV, e, como critério básico, todos foram medalhistas olímpicos em ao menos uma edição dos Jogos Olímpicos. Cada eleitor deveria votar em dois homens e duas mulheres de sua respectiva modalidade. Os mais votados foram eleitos, e, em caso de empate no número de votos, o regulamento esclarece que será escolhido o candidato de maior idade.

A candidatura ao cargo de representante estava aberta a todos os medalhistas. Para as vagas femininas de vôlei de praia as candidatas foram Ágatha (prata Rio2016), Bárbara Seixas (prata Rio2016), Jackie Silva (ouro Atlanta1996) e Mônica Rodrigues (prata Atlanta 1996). No masculino os candidatos foram Bruno Schmidt (ouro Rio2016), Fábio Luiz (prata Pequim 2008), Zé Marco (prata Sidney 2000) e Ricardo (multi-medalhista).

Para as vagas do vôlei de quadra, as candidatas do feminino foram Érika Coimbra (bronze Sidney 2000), Fabiana (bicampeã), Janina (bronze Sidney 2000), Sheilla (bicampeã), Tandara (ouro Londres 2012) e Virna (multi-medalhista). Entre os homens os candidatos foram: Pampa (ouro Barcelona 1992), Domingos Maracanã (prata Los Angeles 1984), Marcus Vinícius Freires (prata Los Angeles 1984), Maurício Lima (bicampeão) e Rodrigão (multi-medalhista).

O Colégio Eleitoral para 2021 será constituído por 102 integrantes distribuídos da seguinte forma: as 27 entidades estaduais; os quatro atletas das Comissões Nacionais (dois de vôlei de quadra e dois de vôlei de praia); 54 atletas das Comissões Estaduais (dois por unidade federativa); os oito medalhistas olímpicos eleitos representantes; e nove clubes.  

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais