Na Vila Leopoldina, Vôlei Nestlé supera o Sesi-SP

Invictas

12 de novembro de 2016

Vôlei Nestlé está invicto na competição

(Gabriel Inamine/Fotojump)

O Vôlei Nestlé (SP) segue invicto na Superliga feminina de vôlei 16/17. Neste sábado (12.11), a equipe de Osasco superou o Sesi-SP por 3 sets a 0 (25/9, 25/23 e 25/15), em 1h23 de jogo, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP). A partida foi válida pela terceira rodada do turno da competição. Foi a quarta vitória consecutiva da equipe do treinador Luizomar de Moura. 

O Vôlei Nestlé voltará à quadra somente na terça-feira (22.11), às 20h, contra o Terracap/BRB/Brasília Vôlei (DF). Já o Sesi-SP lutará pela reabilitação contra o Camponesa/Minas na sexta-feira (18.11), às 20h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG). 

A ponteira sérvia Malesevic, do Vôlei Nestlé, foi eleita a melhor da partida em votação popular no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e ficou com o Troféu VivaVôlei, programa de responsabilidade social da CBV que atende crianças de 7 a 14 anos por meio de escolinhas de vôlei. Ao final da partida, a atacante comentou sobre sua primeira temporada no voleibol brasileiro. 

“Estou muito feliz e agradecida de estar jogando no Brasil e nessa equipe. Espero evoluir a cada dia como jogadora e conquistar boas vitórias com esse grupo”, disse Malesevic. 

O JOGO

O Vôlei Nestlé começou bem no saque e no bloqueio e fez 7/3. As visitantes seguiram ditando o ritmo da partida e abriram oito pontos (13/5). A equipe do treinador Luizomar de Moura fez seis pontos consecutivos e abriu uma grande vantagem (23/8). O Vôlei Nestlé não deu chances para o Sesi-SP e fechou o primeiro set por 25/9. 

O Vôlei Nestlé seguiu melhor no início do segundo set e fez 4/1. Com um ponto de saque, as visitantes abriram quatro pontos (9/5). A equipe da casa cresceu de produção e encostou no marcador (11/10). O saque das visitantes novamente dificultou o passe das donas da casa e a diferença no marcador subiu para quatro (17/13). Quando o placar estava 21/17 para as visitantes, o treinador Juba pediu tempo. A paralisação fez bem para o time da Vila Leopoldina que encostou (22/20). O Vôlei Nestlé segurou a vantagem e fechou a parcial por 25/23. 

O terceiro set começou equilibrado. Bem no saque, o Vôlei Nestlé abriu três pontos (10/7). As visitantes ditaram o ritmo de toda a parcial e fizeram 21/14. O Vôlei Nestlé foi melhor até o final e venceu o terceiro set por 25/15 e o jogo por 3 sets a 0. 

EQUIPES:

Vôlei Nestlé – Dani Lins, Paula, Tandara, Malesevic, Saraelen e Bia. Líbero – Camila Brait 
Entraram – Carol Albuquerque e Bjelica 
Técnico – Luizomar de Moura 

Sesi-SP – Giovana, Lorenne, Gabriela e Natália, Jú Mello e Linda.  Líbero – Laís 
Entraram- Amábilie, Ingrid, Isabella Paquiardi, Thais
Técnico – Juba 

SUPERLIGA FEMININA 2016/2017

TERCEIRA RODADA DO TURNO

09.11 (QUARTA-FEIRA) – Rio do Sul (SC) 3 x 0 Terracap/BRB/Brasília Vôlei (DF), às 19h, no ginásio Artenir Werner, em Rio do Sul (SC) (25/18, 25/16 e 25/22)
11.11 (SEXTA-FEIRA) – Genter Vôlei Bauru (SP) 1 x 3 Rexona-Sesc (RJ), às 19h30, no ginásio Panela de Pressão, em Bauru (SP) (18/25, 25/22, 25/19 e 25/17) 
11.11 (SEXTA-FEIRA) – São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) 0 x 3 Dentil/Praia Clube (MG), às 22h (Horário de Brasília), na Arena Poliesportiva, em Manaus (AM) (19/25, 17/25 e 18/25)
12.11 (SÁBADO) – Renata Valinhos/Country (SP) 0 x 3 Fluminense (RJ), às 14h10, no ginásio Pedro Ezequiel, em Valinhos (SP) – Rede TV (14/25, 21/25 e 12/25)
12.11 (SÁBADO) – Sesi-SP 0 x 3 Vôlei Nestlé (SP), às 20h30, no ginásio da Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) – SporTV (9/25, 23/25 e 15/25)
14.11 (SEGUNDA-FEIRA) – Pinheiros (SP) x Camponesa/Minas (MG), às 19h30, no ginásio Henrique Villaboin, em São Paulo (SP) 

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro