Montes Claros Vôlei quebra a invencibilidade do Funvic Taubaté

Fora de casa

28 de novembro de 2016

Luan Weber, no ataque, foi o destaque da partida

(Rafinha Oliveira/Funvic Taubaté)

O Montes Claros Vôlei (MG) esteve no Vale do Paraíba e, na noite desta segunda-feira (28.11), venceu e quebrou a invencibilidade do  Funvic Taubaté (SP), que havia vencido as cinco primeiras partidas. Nesta sexta rodada na Superliga masculina de vôlei 2016/2017, a equipe mineira jogou no ginásio do Abaeté, em Taubaté (SP), e venceu por 3 sets a 1 (30/28, 25/20, 23/25 e 25/18), em 2h07 de partida. 

O time paulista havia vencido Caramuru Vôlei/Castro (PR), Copel Telecom Maringá Vôlei (PR), Lebes/Gedore/Canoas (RS), Minas Tênis Clube (MG) e Bento Vôlei/Isabela (RS). Já a equipe mineiro chegou para esse confronto com três vitórias – sobre o time de Canoas, do Minas e São Bernardo Vôlei (SP) – e duas derrotas, para o Bento e Sesi-SP.

Nesta noite, o Montes Claros Vôlei contou com grande atuação do oposto Luan Weber. O atacante foi o maior pontuador, com 26 acertos, e foi o mais votado no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), recebendo o Troféu VivaVôlei, programa de responsabilidade social da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) que atende crianças de 7 a 14 anos por meio de escolinhas de vôlei.

Após a partida, Luan foi festejado pela própria torcida da casa e comemorou a boa atuação do seu time. “Em casa ou fora, receber o carinho dos torcedores é sempre bacana demais. Jogar contra Taubaté é sempre especial. A torcida está de parabéns e o nosso time tem que seguir assim, firme sempre”, disse o oposto do Montes Claros.

Mesmo depois do resultado negativo, o ponteiro do Funvic Taubaté, Lucarelli, que, na partida de hoje, jogou como titular voltando de uma lesão, fez questão de elogiar o desempenho do adversário.

“Eles já tinham feito uma bela partida contra o Sesi-SP e, mesmo perdendo, jogaram super bem, e aqui jogaram bem novamente. A nossa equipe não teve a melhor atuação. Não foi um dia bom para o nosso time, mas não temos tempo para remoer muito porque sábado já tem mais uma pedreira”, destacou Lucarelli.

Na próxima rodada, o Funvic Taubaté terá um duelo de sete campeões olímpicos na partida contra o Sesi-SP. A partida, que envolverá Wallace, Éder e Lucarelli pelo time do Vale do Paraíba, e Bruninho, Lucão, Serginho e Douglas Souza pela equipe da capital, será no sábado (03.11), às 19h30, no ginásio do Sesi-SP, na Vila Leopoldina. 

O Montes Claros Vôlei jogará antes, na quinta (01.12), às 21h55, contra o Vôlei Brasil Kirin (SP). A partida será no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG), e terá transmissão ao vivo da RedeTV.

O JOGO

O ponteiro Jonatas abriu o placar do jogo para o Montes Claros Vôlei. Lucarelli devolveu. Com Bob, o time mineiro abriu 3/1. Luan Weber passou a pontuar bem e os visitantes abriram 8/4. No ponto de saque de Raphael, o Funvic Taubaté fez o sétimo ponto, enquanto o adversário tinha 10. Com mais um ace de Raphael, 10/9, e Marcelinho Ramos pediu tempo. O Montes Claros Vôlei voltou a pontuar e quando fez 12/9, Cezar Douglas parou o jogo. No erro do Montes Claros, a diferença caiu para um ponto em 16/15. Com Otávio, mais uma vez o grupo paulista encostou (19/18). Com bloqueio de Robinho, o time mineiro fez 22/20. E foi Lucarelli o responsável pelo ponto de empate em 23/23. No ataque para fora do Montes Claros Vôlei, o Funvic Taubaté assumiu o comando do placar em 26/25. No final, com bloqueio do levantador Murilo Radke, o time mineiro venceu por 30/28.

O segundo set também começou com muita disputa, com o empate em 2/2. Em boa passagem de Otávio boa passagem de Otávio pelo saque, o Funvic Taubaté abriu dois em 5/3. Em 7/4, Marcecelinho Ramos pediu tempo. A disputa seguiu acirrada. No erro de saque de Murilo radke, o time da casa chegou ao ponto de empate em 16/16. Em boa passagem de Robinho pelo saque, o Montes Claros Vôlei abriu três de vantagem (20/17), forçando o técnico Cezar Douglas a pedir tempo. Com o central Salsa, o grupo mineiro fez 23/19 e o treinador do Funvic Taubaté parou o jogo novamente. E, melhor em quadra, o Montes Claros Vôlei fechou em 25/20.

Com o cubano Mesa em quadra no terceiro set, o Funvic Taubaté tentou buscar uma reação. A parcial teve equilíbrio em 4/4. Com o ponteiro Bob, o Montes Claros Vôlei fez 8/7. Com Lucas Lóh, o time da casa passou a frente e fez 12/11. Em momento de reação do Taubaté, Éder pontuou no bloqueio e fez 14/11. A vantagem do time paulista passou a ser de apenas um em 17/16. Com Wallace, o Funvic Taubaté voltou a abrir três em 19/16. Contando com erros do time da casa, o Montes Claros Vôlei, que perdia por 21/18, chegou ao ponto de empate em 21/21 e assumiu o placar em 22/21. Taubaté virou o jogo e fez 23/22. E, no final, vitória do time da casa por 25/23.

Sem se abater pelo resultado no set anterior, o Montes Claros Vôlei abriu 4/1 no começo do quarto set. Quando o placar marcou 6/2, Cezar Douglas pediu tempo. O time mineiro teve quatro de vantagem em 9/5. A equipe do Funvic Taubaté reagiu e no bom saque de Wallace chegou a 7/9. No bloqueio de Luan, o Montes Claros voltou a abrir vantagem (12/8). Com mais um bloqueio, desta vez com Salsa, 14/9. A vantagem chegou a ser de sete pontos em 17/10. Na bola de segunda de Murilo Radke, 19/12. No final, vitória mineira por 25/18.

EQUIPES

FUNVIC TAUBATÉ – Raphael, Wallace, Éder, Otávio, Lucarelli e Lucas Lóh. Líbero – Mário Jr.
Entraram – Japa, Kaio, Gelinski, Vinícius
Técnico: Cezar Douglas

MONTES CLAROS VÔLEI – Murilo Radke, Luan Weber, Salsa, Robinho, Bob e Jonatas. Líbero – Gian 
Entraram – Alê, Rafael
Técnico: Marcelinho Ramos

SUPERLIGA MASCULINA 2016/2017

SEXTA RODADA DO TURNO

26.11 (SÁBADO) – Sesi-SP 3 x 0 São Bernardo Vôlei (SP), às 18h, no Sesi Santo André, em Santo André (SP) (25/19, 25/16 e 25/19)
26.11 (SÁBADO) – JF Vôlei (MG) 3 x 2 Lebes/Gedore/Canoas (RS), às 18h, na UFJF, em Juiz de Fora (MG) 25/20, 23/25, 17/25, 27/25 e 15/12).
26.11 (SÁBADO) – Vôlei Brasil Kirin (SP) 3 x 0 Bento Vôlei/Isabela (RS), às 18h, no Taquaral, em Campinas (SP) (25/23, 25/19 e 25/23)
26.11 (SÁBADO) – Sada Cruzeiro Vôlei (MG) 3 x 1 Minas Tênis Clube (MG), às 21h30, no Riacho, em Contagem (MG) (25/19, 25/14, 19/25 e 25/23)
26.11 (SÁBADO) – Caramuru Vôlei/Castro (PR) 0 x 3 Copel Telecom Maringá Vôlei (PR), às 20h, no Padre José Pagnacco, em Castro (PR) (19/25, 21/25 e 24/26)
28.11 (SEGUNDA-FEIRA) – Funvic Taubaté (SP) 1 x 3 Montes Claros Vôlei (MG), às 20h, no Abaeté, em Taubaté (SP) (30/28, 20/25, 25/23 e 25/18)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro