Minas Tênis Clube leva a melhor no clássico mineiro

De virada

29 de outubro de 2017

O central Flávio foi eleito o melhor da partida

(Orlando Bento/MTC)

Os mineiros Minas Tênis Clube e Montes Claros Vôlei fizeram uma partida equilibrada na noite deste sábado (28.10) e, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG), melhor para o time da capital, que, nesta terceira rodada do primeiro turno da Superliga masculina de vôlei 2017/2018, venceu por 3 sets a 1, com parciais de 20/25, 27/25, 25/22 e 26/24.

O central Flávio foi um dos principais destaques da partida. Depois de atuação destacada, o jogador foi eleito, por votação popular, realizada no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), o melhor da partida e, por isso, foi premiado com o Troféu VivaVôlei CIMED.

Feliz com o resultado, Flávio analisou o resultado desta noite, em especial a derrota no primeiro set. “Foi a nossa estreia em casa, sabíamos que ia ser um jogo difícil, apesar de conhecermos o adversário desde o Mineiro. Esse é sempre um clássico. Entramos um pouco sem foco, sem concentração, cometendo erros bobos, o passe não funcionou e isso dificultou a nossa virada de bola”, disse Flávio.

A virada do Minas Tênis Clube a partir da segunda parcial deixou o jogador satisfeito. “No segundo set entramos com outra cabeça, outra motivação e determinados a vencer. Esse jogo era muito importante para o nosso time, pois Montes Claros é um adversário direto. Tentei motivar o grupo a partir do segundo set, tentei incendiar o time ali dentro de quadra e isso acabou funcionando”, destacou Flávio, complementando.

“A nossa recepção melhorou e isso facilitou a virada de bola. Fizemos mais pontos de bloqueio e isso nos levou a vitória de um jogo bem difícil. O time está de parabéns por ter conseguido mudar a postura diante de uma situação adversa, estou feliz com a vitória, com a premiação e amais ainda com a postura do time depois do primeiro set”, concluiu o central Flávio.

As duas equipes voltam a ter transmissão na próxima rodada. O Montes Claros Vôlei volta à quadra no sábado (04.11), às 11h, quando enfrentará o Corinthians-Guarulhos (SP) no ginásio da Ponte Grande, em Guarulhos (SP), com transmissão ao vivo do SporTV. O Minas Tênis Clube fará sua partida logo depois, às 14h05, contra o Vôlei Renata (SP), no Taquaral, em Campinas (SP), este sendo mostrado pela RedeTV.

O JOGO

Depois de uma bola muito disputada, o cubano Mesa abriu o placar do jogo para o Montes Claros Vôlei. O time visitante ainda abriu 3/0 e, com Zanotti, abriu 6/2. Quando Lorena marcou 8/4, Nery Tambeiro pediu tempo. No erro do adversário, a diferença no placar aumentou em 15/10 ainda a favor do Montes Claros. Com Mesa pontuando bem, a equipe visitante fez 18/13. O Minas Tênis Clube reagiu e quando fez 17/20 foi a vez de Sérgio Cunha parar o jogo. No bloqueio de Flávio, o time da casa marcou 19/23. O central Mesa fechou o set para o Montes Claros Vôlei em 25/20.

O segundo set começou com mais equilíbrio, com as equipes empatadas em 3/3. Com ponto de saque de Flávio, o Minas marcou 5/4. Com Lorena, o Montes Claros Vôlei chegou ao empate em 7/7. Os visitantes passaram a frente e quando chegaram a 10/9, Nery Tambeiro pediu tempo. O Minas assumiu o comando do marcador e colocou três de vantagem em 16/13. O Montes Claros buscou e no bloqueio deixou tudo igual (16/16). Com Flávio, o Minas voltou a colocar dois de dianteira: 20/18. A reta final do set foi bastante disputado. No ace de Sandro, 23/23. E no bloqueio de Flávio, o Minas Tênis Clube fechou em 27/25.

Assim como na parcial anterior, o início foi bastante disputado. Os times empataram em 3/3, 5/5 e depois novamente em 9/9. No bloqueio de Flávio, o Minas colocou um de vantagem em 10/9. Também no bloqueio, com Zanotti, o Montes Claros Vôlei marcou 11/10. O placar voltou a ficar igual em 15/15 com mais um ponto no fundamento bloqueio, desta vez com Honorato, do Minas. No erro do adversário, os donos da casa abriram dois: 17/15. O jogo voltou a ficar igual em 19/19 e o Minas fez 21/19, forçando Sérgio Cunha a pedir tempo. O time da casa fez 22/20. No final, melhor para os donos da casa: 25/22.

O quarto set começou como os outros primeiros, com muito equilíbrio (5/5). No ace de Tarcísio, o Montes Claros fez 7/6. Com ponto de Alemão, o time visitante abriu dois de diferença em 10/8. O Minas buscou e empatou em 10/10. No ace de Alemão, o Montes Claros marcou 13/12 e Nery Tambeiro pediu tempo. Na volta, mais um ponto de saque de Alemão e 14/12. Com o terceiro ponto de saque do oposto, 15/12. O Montes Claros abriu 17/13. Mesa bloqueou e marcou 19/15. O Minas diminuiu a diferença no placar (17/21) e Sérgio Cunha pediu tempo. Com bloqueio de Flávio, os donos da casa empataram em 21/21. Com mais dois pontos de bloqueio, 23/21. O Montes Claros buscou e deixou tudo igual: 23/23. No final, vitória do Minas por 26/24.

EQUIPES

MINAS TÊNIS CLUBE – Marlon, Felipe Roque, Flávio, Pétrus Honorato e Bisset. Líbero – Rogério

Entraram – Maique, Carísio, Davy, Thiago Vanole, Quintana

Técnico: Nery Tambeiro

MONTES CLAROS VÔLEI – Sandro, Lorena, Tarcísio, Mesa, Vivalede e Zanotti. Líbero – Alan

Entraram – Cristiano, Luan, Alemão

Técnico: Sérgio Cunha

Outros resultados da rodada

Depois de ser superado pelo Sada Cruzeiro (MG) no jogo passado, o Sesi-SP se recuperou e venceu o Lebes Canoas (RS), na casa do adversário, por 3 sets a 0 (25/15, 25/20 e 25/17). O ponteiro Renato foi eleito o melhor da partida, faturou o Troféu VivaVôlei CIMED, e ainda foi o maior pontuador, com 11 acertos, ao lado de Aboubacar, do time gaúcho.

Em Juiz de Fora (MG), o Vôlei Renata conseguiu uma boa vitória por 3 sets a 0 sobre o JF Vôlei (MG). A equipe de Campinas (SP) fez parciais de 25/14, 27/25 e 25/17, com destaque para o ponteiro Tiago Mão, que foi premiado com o Troféu VivaVôlei CIMED.

Mesmo na casa do adversário, o Sada Cruzeiro (MG) levou a melhor sobre o Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) por 3 sets a 1 (25/18, 15/25, 25/19 e 25/16). O jogo teve como destaque o ponteiro Leal, eleito o melhor jogador em quadra e dono do Troféu VivaVôlei CIMED. O jogador ainda foi quem mais pontuador da partida, com 16 acertos.

O EMS Taubaté Funvic (SP) levou a melhor sobre os donos da casa, Ponta Grossa/Caramuru (PR). A equipe do Vale do Paraíba contou com bom desempenho do ponteiro Dante, dono do Troféu VivaVôlei CIMED, e venceu por 3 sets a 1, com parciais de 25/16, 23/25, 25/20 e 25/14. Apesar do resultado negativo do seu time, Leonardo, foi o maior pontuador do jogo, com 21 pontos. Pelo Taubaté, três jogadores marcaram 18 vezes: Wallace, Solé e Lucarelli.

No encerramento da rodada, o Sesc RJ receberá o Corinthians-Guarulhos (SP) na Jeunesse Arena, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ). O confronto de cariocas contra paulistas será às 13h e terá transmissão ao vivo da RedeTV.

SUPERLIGA MASCULINA 17/18

Terceira rodada do turno

28.10 (SÁBADO) – Lebes Canoas (RS) 0 x 3 Sesi-SP, às 18h, no ginásio La Salle, em Canoas (RS) (15/25, 20/25 e 17/25)

28.10 (SÁBADO) – JF Vôlei (MG) 0 x 3 Vôlei Renata (RS), às 18h, na UFJF, em Juiz de Fora (MG) (14/25, 25/27 e 17/25)

28.10 (SÁBADO) – Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) 1 x 3 Sada Cruzeiro (MG), às 18h30, no Chico Neto, em Maringá (PR) (18/25, 25/15, 19/25 e 16/25)

28.10 (SÁBADO) – Ponta Grossa Caramuru (PR) 1 x 3 EMS Taubaté Funvic (SP), às 20h, na Arena Multiuso, em Ponta Grossa (PR) (16/25, 25/23, 20/25 e 14/25)

28.10 (SÁBADO) – Minas Tênis Clube (MG) 3 x 1 Montes Claros Vôlei (MG), às 21h55, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG) (20/25, 27/25, 25/22 e 26/24)

29.10 (DOMINGO) – Sesc RJ x Corinthians-Guarulhos (SP), às 13h, na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro (RJ) – REDETV

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro