Dentil/Praia Clube vence o Sesi-SP e mantém a invencibilidade

Invicto

22 de novembro de 2016

Alix atacante contra o bloqueio do Sesi-SP

(Divulgação/Sesi-SP)

O Dentil/Praia Clube (MG) continua invicto na Superliga feminina de vôlei 16/17. Nesta terça-feira (22.11), a equipe mineira venceu o Sesi-SP em um equilibrado confronto por 3 sets a 1 (25/23, 22/25, 25/20 e 25/22), em 2h07 de jogo, no ginásio do Sesi, em Santo André (SP). A partida foi válida pela quinta rodada do turno da competição. 

O resultado manteve o Dentil/Praia Clube em segundo lugar na classificação geral, com 15 pontos (cinco vitórias). O Rexona-Sesc (RJ) também invicto lidera com a mesma campanha das mineiras, mas com um melhor saldo de sets. O Sesi-SP ainda luta pelo primeiro resultado positivo na competição e está na 11ª colocação. 

As duas equipes voltarão à quadra nesta sexta-feira (25.11). O Dentil/Praia Clube jogará com o Rio do Sul (SC), às 19h30, no ginásio do Praia, em Uberlândia (MG). Já o Sesi-SP viajará para o Rio de Janeiro para enfrentar o Rexona-Sesc (RJ), às 21h30, no Tijuca, com transmissão ao vivo do SporTV. 

A ponteira Alix se destacou na partida desta terça-feira, foi eleita a melhor em quadra em votação popular no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e ficou com o Troféu VivaVôlei,  programa de responsabilidade social da CBV que atende crianças de 7 a 14 anos por meio de escolinhas de vôlei. A atacante ainda foi a maior pontuadora do confronto, com 22 acertos. Ao final do duelo, Alix fez uma análise do duelo contra a jovem equipe do Sesi-SP. 

“Nós sabíamos que teríamos que respeitar a equipe delas. Elas jogaram uma partida muito boa e dificultaram a nossa vida. Estou orgulhosa do nosso time porque nós conseguimos sair de momentos difíceis na partida”, disse Alix. 

Pelo lado do Sesi-SP, a ponteira Isabela Paquiardi lamentou a derrota, mas elogiou a postura do grupo paulista. 

“Essa semana comentamos que precisávamos jogar com mais alegria. Hoje nos divertimos em quadra e conseguimos fazer um belo jogo. Precisamos manter essa postura em quadra”, afirmou Isabela. 

Terracap/BRB/Brasília Vôlei quebra invencibilidade do Vôlei Nestlé 

O Terracap/BRB/Brasília Vôlei (DF) acabou com a invencibilidade do Vôlei Nestlé (SP) na Superliga 16/17. O time candango venceu a equipe de Osasco por 3 sets a 0 (25/22, 25/20 e 25/23), em 1h35 de jogo, no Sesi Taguatinga, em Brasília (DF). A líbero Silvana foi eleita a melhor do jogo e ficou com o Troféu VivaVôlei. A central Angélica foi a maior pontuadora da partida, com 18 acertos. 

A líbero Silvana comentou sobre a atuação da equipe da casa contra o rival de Osasco. 

“Apesar da vitória por 3×0, sabemos das dificuldades que passamos, mas conseguimos obedecer às táticas do Anderson. Hoje o Osasco não jogou bem, mas nós conseguimos nos impor e fomos mais felizes”, disse Silvana. 

Outros jogos 

O Rexona-Sesc (RJ) segue invicto e na liderança da Superliga feminina 16/17. A equipe carioca venceu o Pinheiros (SP) por 3 sets a 0 (25/16, 25/23 e 25/22), em 1h21 de jogo, no ginásio Henrique Villaboin, em São Paulo. Foi a quinta vitória consecutiva do time do treinador Bernardinho na competição. A central Carol se destacou na partida e ficou com o Troféu VivaVôlei. Quem também teve boa atuação foi a ponteira Gabi, maior pontuadora do confronto, com 15 acertos. 

 Diante da sua torcida, o Genter Vôlei Bauru (SP) conseguiu a terceira vitória na Superliga feminina 16/17. A equipe bauruense superou o Fluminense (RJ) por 3 sets a 0 (25/17, 25/17 e 25/21), em 1h21 de jogo, no Panela de Pressão, em Bauru (SP). Em noite inspirada, a levantadora Juma foi eleita a melhor da partida e levou o Troféu VivaVôlei para casa. A oposta Bruna deixou a partida como a maior pontuadora, com 13 acertos. 

Na primeira partida disputada no tie-break nesta edição da Superliga feminina, melhor para o Camponesa/Minas (MG). Fora de casa, a equipe comandada pelo treinador Paulo Coco superou o Rio do Sul (SC) por 3 sets a 2 (25/19, 25/20, 19/25, 23/25 e 15/8), em 2h20 de jogo, no Artenir Werner, em Rio do Sul. A atacante Mara foi eleita o destaque da partida e ficou com o Troféu VivaVôlei. Outra atacante que se destacou foi a Rosamaria, maior pontuadora do duelo, com 23 pontos. 

O São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) conseguiu a primeira vitória na Superliga feminina 16/17. A equipe do treinador Haírton Cabral venceu o Renata Valinhos/Country por 3 sets a 0 (25/21, 25/17 e 25/18), em 1h22 de jogo, no ginásio Lauro Gomes, em São Caetano. A ponteira Fernanda Tomé brilhou em quadra e ficou com o Troféu VivaVôlei. A oposta Angélica foi quem mais marcou pontos no confronto, com 18 acertos. 

EQUIPES:

Dentil/Praia Clube – Claudinha, Carla, Alix, Michelle, Fabiana e Walewska. Líbero – Tássia  
Entrararam –  Jú Carrijo, Malu e Ellen 
Técnico – Ricardo Picinin 

Sesi-SP – Giovana, Lorenne, Isabela Paquiardi, Gabriela Candido, Linda e Jú Mello .  Líbero – Laís  
Entraram – Thais, Natália, Amabilie e Glayce
Técnico – Juba 

SUPERLIGA FEMININA 2016/2017 
QUINTA RODADA DO TURNO

22.11 (TERÇA-FEIRA) – Sesi-SP 1 x 3 Dentil/Praia Clube (MG) (23/25, 25/22, 20/25 e 22/25), às 21h30, no ginásio do Sesi, em Santo André (SP) – SporTV 
22.11 (TERÇA-FEIRA) – Genter Vôlei Bauru (SP) 3 x 0 Fluminense (RJ) (25/17, 25/17 e 25/21), às 19h30, no Panela de Pressão, em Bauru (SP)
22.11 (TERÇA-FEIRA) – São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) 3 x 0 Renata Valinhos/Country (SP) (25/21, 25/17 e 25/18), às 19h30, no Lauro Gomes, em São Caetano (SP) 
22.11 (TERÇA-FEIRA) – Pinheiros (SP) 0 x 3 Rexona-Sesc (RJ) (16/25, 23/25 e 22/25), às 19h30, no Henrique Villaboin, em São Paulo (SP) 
22.11 (TERÇA-FEIRA) – Terracap/BRB/Brasília Vôlei (DF) 3 x 0 Vôlei Nestlé (SP) (25/22, 25/20 e 25/23), às 20h, no Sesi Taguatinga, em Brasília (DF) 
22.11 (TERÇA-FEIRA) – Rio do Sul (SC) 2 x 3 Camponesa/Minas (MG) (19/25, 20/25, 25/19, 25/23 e 8/15), às 20h15, no Artenir Werner, em Rio do Sul (SC) 

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro