Brasília (DF) recebe a terceira etapa da temporada 2018

no Parque da Cidade

19 de julho de 2018

Parque da Cidade será palco das disputas

(Divulgação/CBV)

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 19.07.2018

A arena já está pronta e Brasília (DF) será o palco da terceira etapa do Circuito Brasileiro Challenger de vôlei de praia 2018. Os jogos do torneio nacional ocorrem de sexta-feira (20.07) a domingo (22.07), no Parque da Cidade, com entrada franca à torcida. A competição terá transmissão ao vivo no Facebook da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e conta com presença de medalhistas olímpicos e vários nomes da nova geração.

O Challenger é composto por quatro torneios em quatro cidades diferentes, entre junho e agosto de 2018. Ele ocorre entre o início de uma temporada e o término de outra do Circuito Brasileiro Open, mantendo em atividade atletas que não estão atuando no Circuito Mundial, garantindo um calendário competitivo durante todo ano para mais competidores.

Já foram realizadas as etapas de Maringá (PR) e Rio de Janeiro (RJ), e após a disputa em Brasília (DF), o tour segue para a região Nordeste, em Jaboatão dos Guararapes (PE), de 17 a 19 de agosto, na última parada. Além dos campeões de cada cidade, também existe um campeão geral, com a soma dos pontos obtidos nos quatro eventos.

O naipe feminino tem como líderes do ranking geral a dupla Tainá e Victoria (SE/MS), com 640 pontos, e no masculino Ramon Gomes  e Adrielson (RJ/PR), também com 640. Em Brasília estarão em ação o medalhista de prata dos Jogos de Pequim-2008, Márcio Araújo (CE), e a medalhista de bronze em Londres-2012, Juliana.

A competição conta com 12 duplas em cada gênero, divididas em três grupos de quatro. Oito delas já entram direto na fase de grupos, pelo ranking de entradas, enquanto quatro times saem da disputa do classificatório, disputa preliminar que ocorre no primeiro dia (sexta-feira). Os primeiros e segundos de cada chave, além de dois melhores terceiros, vão às quartas de final, e deste ponto o torneio segue em formato eliminatório simples.

Já estão garantidas na fase de grupos do naipe feminino, pelo ranking de entradas ou convite, Victoria/Tainá (MS/SE), Juliana/Andressa (CE/PB), Andrezza/Neide (AM/AL), Val/Izabel (RJ/PA), Vivian/Vitoria (PA/RJ), Aline/Diana (SC/RJ), Rachel/Angela (RJ/DF) e Elize Maia/Maria Clara (ES/RJ). Outros 16 times disputam as quatro vagas no classificatório.

Entre os homens, os times já classificados são Jefferson/Miguel (CE/MS), Léo Vieira/Jô (PB/DF), Anderson Melo/Averaldo (RJ/TO), Eduardo Davi/Borlini (PR/ES), Ramon Gomes/Hevaldo (RJ/CE), Ferramenta/Gilmário (RJ/PB), Allison Francioni/Márcio Araújo (SC/CE) e Raul/Álvaro Andrade (SE). Outras 28 duplas disputam as últimas vagas no classificatório.

Na abertura do Challenger, em Maringá (PR), títulos para Márcio Araújo/Luciano (CE/ES) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE). Na segunda etapa, no Rio de Janeiro (RJ), Vivian/Vitoria (PA/RJ) e Marcus/Luciano (RJ/ES) ficaram com a medalha de ouro. Os campeões de uma etapa recebem 200 pontos no ranking geral e cerca de R$ 13 mil em premiações.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro