Brasil estreia com vitória sobre a Tunísia

Seleção masculina

24 de julho de 2021

Jogadores comemoram ponto na vitória sobre a Tunísia

(Divulgação/FIVB)

A seleção brasileira masculina de vôlei estreou com vitória em Tóquio-2020. Atual campeão olímpico, o time verde e amarelo superou a Tunísia na madrugada deste sábado (24.07) por 3 sets a 0 (25/22, 25/20 e 25/15) na primeira partida que disputa pelo Grupo B do principal evento esportivo do planeta.

O oposto Wallace foi o maior pontuador do Brasil, com 13 acertos. O ponteiro Douglas, que entrou ao longo do jogo, também se destacou na pontuação, com 10 pontos. Logo após a partida, o campeão olímpico no Rio de Janeiro, Wallace, destacou o equilíbrio do vôlei atualmente.

“Esse tinha tudo para ser o jogo menos difícil da chave, mas sabemos que não tem time bobo. Além disso, estreia sempre gera nervosismo. Nos enrolamos nos dois primeiros sets, e no terceiro a coisa fluiu mais e agora a tendência é melhorar. Importante que já tiramos pouco mais da ansiedade e esperamos fazer jogos muito melhores do que o de hoje”, disse Wallace.

O oposto da seleção brasileira ainda falou sobre a sequência de jogo. “Temos Argentina no próximo jogo e não vai ser nada fácil. É uma vitória é imprescindível e depois vamos pensando jogo a jogo. Estamos no chamado grupo da morte e é bom ter jogos duros, pois assim passamos por situações que são importantes para o nosso crescimento”, declarou Wallace.

O técnico Renan, que conseguiu retornar à seleção brasileira após uma longa internação em virtude da COVID-19, viveu um momento especial nesta noite. O comandante disse que espera ver uma melhora do time nos próximos compromissos, mas destacou pontos de valor na atuação do grupo neste primeiro jogo.

“Estreia sempre gera uma tensão muito grande. Hoje não começamos bem nos dois primeiros sets, mas o time soube reagir e isso é um ponto positivo. Além disso, conseguimos mexer bem no time. Podemos melhorar bastante no saque ainda, mas o time não pegou a referência do ginásio e temos que ajustar ainda. Afinal, daqui para frente começa uma guerra impressionante”, concluiu Renan.

O próximo desafio da seleção brasileira masculina será na próxima segunda-feira (26.07), às 9h45, contra um conhecido adversário, Argentina, que conta com o técnico Marcelo Mendez, o assistente Horacio Dileo, e o ponteiro Facundo Conte – todos que estavam na Superliga na temporada passada. O jogo terá transmissão ao vivo da TV Globo e do SporTV.

O Brasil busca sua quinta final olímpica consecutiva. Em Atenas-04, o Brasil foi campeão, em Pequim-08 e Londres-12, a seleção masculina ficou com a medalha de prata, e no Rio-2016, o grupo dirigido pelo técnico Bernardinho subiu ao degrau mais alto do pódio.

TABELA – SELEÇÃO MASCULINA 

23.07 (SEXTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Tunísia (25/22, 25/20 e 25/15)

26.07 (SEGUNDA-FEIRA) – Brasil x Argentina, às 9h45  

28.07 (QUARTA-FEIRA) – Brasil x Rússia, às 9h45 

29.07 (QUINTA-FEIRA) – Brasil x Estados Unidos, às 23h05 

31.07 (SÁBADO) – Brasil x França, às 23h05

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro